Servidores da Goinfra esclarecem dúvidas sobre a utilização do Livro de Ordem Eletrônico para obras, durante palestra com o Crea-GO

Servidores da Goinfra esclarecem dúvidas sobre a utilização do Livro de Ordem Eletrônico para obras, durante palestra com o Crea-GO

Engenheiros, gestores e fiscais de obras civis e rodoviárias da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) participaram, na manhã desta terça-feira (3), de palestra do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás (Crea-GO), com o engenheiro e assessor da instituição, Ulysses Sena.  O evento foi realizado no auditório da Goinfra, com objetivo de esclarecer dúvidas sobre o Livro de Ordem Eletrônico para obras.

A ferramenta é uma exigência adotada por meio da Resolução 1094/2017, do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), considerando a necessidade de adoção de mecanismos que propiciem acompanhamento, fiscalização e controle da participação efetiva dos profissionais nas obras e serviços pelos quais são responsáveis técnicos.

No Livro de Ordem são registradas informações como dados do empreendimento, de seu proprietário, do responsável técnico e da respectiva Anotação de Responsabilidade Técnica (ART); datas de início e de previsão da conclusão da obra ou serviço; relatos de visitas do responsável técnico; entre outras exigências.

A realização da palestra vai ao encontro das políticas do Programa de Compliance Público já em andamento na Goinfra, com o comprometimento de “adotar o conjunto de procedimentos e estruturas destinados a assegurar a conformidade dos atos de gestão com padrões morais e legais” e a “garantir o alcance dos resultados das políticas públicas e a satisfação dos cidadãos, fomentando a ética, a transparência, a responsabilização e a gestão de riscos”.